segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Bolo do caco


O bolo do caco, pão de trigo vulgar da Madeira, é umas das principais heranças da influência magrebina e do arquipélago das Canárias.
Trata-se de um pão feito com farinha de trigo, fermento de padeiro, água e sal. Depois de unidos os ingredientes, a massa fica a levedar algumas horas. A proporção depende do tempo que tem de fermentação. Usando o chamado fermento de padeiro industrial, este é utilizado na proporção de 30 a 50 g por cada quilograma de farinha de trigo.
Formam-se pequenas bolas de massa que são depois achatadas e arredondadas, devidamente polvilhadas de farinha.
A cozedura deve ser feita sob uma pedra (caco) bem quente. Hoje, devido à falta de pedras basálticas para cozer, utilizam-se chapas metálicas. Há quem recorra a frigideiras de ferro antiaderentes. O pão é cozido dos dois lados e nos bordos, até criar uma crosta.
O bolo do caco deve ser consumido quente, e é um excelente complemento para espetada, podendo ser barrado com manteiga d'alho.

2 comentários:

tukakubana disse...

Miguel,
Não resisti ao seu cesto de pão e "roubei-lho" para, após a Páscoa, publicar no meu blog.Alguma coisa em contrário, avise.
tukakubana

Tobi Hughes disse...

Hi,

Can you tell me the best thing to cook Bolo do Caco on , im looking for a slab to sit on the gas top.

i live in Madeira.